sexta-feira, 22 de maio de 2015

A COMIDA TÁ CARA E NÃO CONSEGUIMOS PAGAR!

__________________________________________________
A maior causa de endividamento entre os consumidores de Fortaleza é a compra de comida. Segundo Pesquisa da Federação do Comércio do Estado do Ceará (Fecomércio-CE), 69,8% dos fortalezenses possuem dívidas. Este é o maior índice dos últimos cinco anos. Dessas dívidas, 43,1% corresponde à alimentação – item que lidera a lista de produtos comprados a prazo. Os dados, divulgados ontem, são referentes a maio.

A proporção dos consumidores com dívidas em atrasos também alcançou a taxa mais alta nos últimos cinco anos, 25%. Já a inadimplência afeta 9,5%, recorde dos últimos 13 meses. O cartão de crédito é o principal meio pelo qual os compradores contraem dívida, 79,5%. O financiamento aparece em seguida, 18,1%.

Para Cláudia Brilhante, diretora institucional da Fecomércio-CE, os itens de alimentação estarem no topo das compras com crédito é preocupante. “O consumidor vai ao supermercado e compra no cartão, mas essa comida acaba e, dentro de poucos dias, ele volta ao supermercado para comprar de novo no cartão, quando ele nem pagou ainda a primeira compra. Isso é muito perigoso”. Para ela, isso mostra que o padrão de vida do consumidor cearense precisa ser readequado.
__________________________________________________


É uma pesquisa de fato retórico, pois sabemos muito bem, que os custos da alimentação, desde a sua produção ao consumidor final, está demasiadamente alto.
Bem como todos nós temos dificuldades de pagar qualquer tipo de dívida, não seria diferente com a comida cara!! 
                                                                                                                                           Cosmo