quinta-feira, 5 de maio de 2016

Justiça pode bloquear WhatsApp em Instância superior

O processo que corre na justiça brasileira que causou o bloqueio do WhatsApp nesta segunda (2) pode voltar a fechar temporariamente o serviço no Brasil. As informações são do site Olhar Digital.

Juristas consultados pelo site afirmaram que se os autores prossigam na ação contra o WhatsApp o caso deve chegar ao Superior Tribunal de Justiça. Neste caso, o pedido de bloqueio feito pelo juiz Marcel Montalvão, de Lagarto (SE), pode voltar a ser acatado integralmente.

O processo ainda segue em segunda instância no Tribunal de Justiça de Sergipe. O bloqueio foi pedido porque o Facebook, dono do WhatsApp, não cumpriu outra decisão judicial de compartilhar informações que subsidiariam uma investigação criminal.

O serviço também pode voltar a ser bloqueado por outro motivo. A intervenção do desembargador Ricardo Múcio, que determinou o desbloqueio do WhatsApp, precisa ainda ser avaliado pelo Tribunal de Justiça de Sergipe. Isso deve acontecer dentro de um mês e o serviço pode ser tirado do ar novamente dependendo do resultado dessa avaliação.

Fonte: Catraca Livre