segunda-feira, 27 de outubro de 2014

ESTATÍSTICAS DAS ELEIÇÕES (INCLUINDO ESTATÍSTICA DOS VOTOS NORDESTINOS)



s eleições tomaram conta dos pensamentos dos brasileiros nos últimos dias, em especial depois de ontem (26), quando Dilma Rousseff se reelegeu com apenas 3,28% de votos a mais do que Aécio Neves e um país dividido quase ao meio.
Conforme o esperado para uma campanha tão turbulenta, as manifestações de vitória, derrota, vingança, inconformismo e até mesmo de luto estão movimentando as redes sociais. Mas será que todos os dados que circulam no Facebook são verdadeiros? Confira agora 10 fatos comprovados das Eleições 2014 para justificar sua opinião ou rebater os comentários dos seus amigos:

1. Maior vitória de Dilma: o estado que mais votou em Dilma Rousseff foi o Maranhão, com 78,76% da preferência dos eleitores. Considerando o número total de votos válidos, a maior vitória absoluta da petista foi na Bahia, com 2.907.306 indicações a mais do que Aécio;

2. Maior vitória de Aécio: o candidato do PSDB obteve seu maior destaque em Santa Catarina, com 64,59% dos votos válidos. A maior diferença em número absolutos, porém, foi em São Paulo, onde Aécio fez 6.807.906 votos a mais do que Dilma;

3. Nordeste, Sul e Centro-Oeste: os nove estados da região Nordeste registraram a maior parte dos votos em Dilma, enquanto os três estados da região Sul e os três do Centro-Oeste mais o Distrito Federal votaram em Aécio;

4. Norte e Sudeste divididos: no Norte, três estados preferiram Aécio e quatro optaram por Dilma. O Sudeste ficou no meio a meio, com dois estados para cada candidato;

5. Quantas pessoas foram às urnas? O Brasil tem 142.822.046 de eleitores. Desse total, 112.683.879 se apresentaram para votar no 2º turno, o que significa que tivemos 78,90% de presença e 21,10% de abstenção (mais de 30 milhões de eleitores faltaram ao pleito). Em 2010, o comparecimento foi de 81,88%;

6. Norte e Nordeste elegeram a Dilma? Nas regiões Norte e Nordeste, 38.198.859 de eleitores compareceram às urnas, enquanto 74.276.085 votaram nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste. Mesmo que todos os eleitores do NO e NE tivessem votado em Dilma, ela estaria longe de se reeleger sem os votos das demais regiões – diferente do que algumas pessoas disseram nas redes sociais;

7. Votos brancos e nulos: os votos brancos somaram 1,71% do total, enquanto os nulos foram 4,63%. Dessa maneira, os votos válidos representam 93,66% do eleitorado que efetivamente foi até as urnas;

8. Por que o Acre demorou tanto? O Acre foi o último estado a entregar seus resultados por causa da diferença de fuso horário, que o deixa três horas atrás de Brasília (atualmente em horário de verão). Apesar de as piadas na internet falarem apenas sobre o Acre, ele não foi o único a “demorar”: algumas localidades do Amazonas seguem o mesmo fuso que esse estado;

9. Ninguém gosta de ser mesário? Mentira! A quantidade de mesários voluntários foi maior do que a de mesários convocados: 1.362.045 contra 1.070.943;

10. Quem levou a melhor nas eleições para governador? Apesar de a disputa presidencial ter se polarizado entre PT e PSDB, o partido de maior sucesso nas disputas estaduais foi o PMDB, que somou 7 representantes. Confira quantos governadores foram eleitos de cada partido:

Fonte(s): http://www.emresumo.com.br ; Divulga TSE; Informações e dados estatísticos da Eleição 2014