terça-feira, 27 de outubro de 2015

O que é tecnologia de Power Line Communication (PLC).

A cada dia vamos rumo à mais alta tecnologia, visando a distribuição de internet em alta velocidade e com maio amplitude.
------------------------------------------------------------------------

Começou ontem (26) em São Paulo capital a edição 2015 da Futurecom, evento que visa discutir novas tecnologias de telecomunicações e prever tendências para esse mercado. O TecMundo esteve presente e pôde acompanhar alguns seminários pré-feira que serviram como ponto de partida para o congresso.

Uma dessas apresentações foi a da HomePlug Alliance, consórcio formado por 44 empresas cujos objetivos são certificar e desenvolver novos protocolos para a tecnologia de Power Line Communication (PLC).

Mas, afinal, como funciona?

Vale a pena explicar novamente como os powerlines funcionam para quem ainda não conhece essa tecnologia. Trata-se de um pequeno gadget que, ao ser conectado ao seu roteador e em uma tomada comum, transforma toda a sua rede elétrica em uma rede de internet, puxando a conexão do router através de um cabo RJ45.

A partir daí, coloca-se uma segunda peça em qualquer tomada em outra parte de sua residência e ela se transforma em um segundo roteador, podendo também ser usada como ponto de internet cabeada através da porta ethernet. A ideia é usar a fiação de cobre já estabelecida em sua casa para aumentar o alcance de sua rede WiFi, sem ter que se preocupar com interferências físicas como paredes. Com a tecnologia PLC, todos os cômodos de uma construção são interligados de forma simples e eficiente.

Embora ainda seja difícil encontrar powerlines aqui no Brasil, eles já fazem um sucesso absurdo lá fora. No mercado estrangeiro, é possível achar até mesmo modelos que são equipados com sockets, para que você não perca aquela tomada onde o dispositivo está ligado. Na China, já são comuns também os roteadores com módulos PLC integrados, que já transformam sua rede elétrica em uma rede de internet assim que ele for eletrizado. Infelizmente, não há previsão para a chegada desse tipo de aparelho no Brasil.