segunda-feira, 14 de setembro de 2015

Flamengo vê grande momento e grande desafio, no G4.

O Flamengo encontrou dificuldades, mas superou a Chapecoense por 3 a 1 no interior de Santa Catarina, conquistando a sexta vitória consecutiva no Campeonato Brasileiro e se mantendo firme no G4, a zona de classificação para a próxima Copa Libertadores. O Rubro-Negro, porém, na visão de seus jogadores, tem começado a sentir os impactos de ser um dos postulantes aos objetivos mais nobres da competição.

No entender dos atletas flamenguistas o nível de dificuldade do Campeonato Brasileiro está crescendo porque os adversários do Rubro-Negro entram em campo mais ligados do que na época em que a equipe carioca penava na parte de baixo da tabela de classificação. O lateral esquerdo Jorge vê esse fato com naturalidade.

O elenco do Flamengo realizou um trabalho regenerativo, ainda em Chapecó, na manhã desta segunda-feira, e em seguida a delegação retornou ao Rio de Janeiro. O grupo volta a treinar nesta terça-feira à tarde, quando começa a preparação para o duelo contra o Coritiba, previsto para esta quinta-feira, às 21h (de Brasília), no Maracanã, pela 26ª rodada.

GUERRERO 

O atacante Paolo Guerrero segue se recuperando de uma lesão nos ligamentos do tornozelo direito e seu retorno contra o Coritiba foi praticamente descartado pelo técnico Oswaldo de Oliveira. “O Guerrero está fazendo falta, mas vamos ter calma. Ele deve retornar no fim de semana” disse Oswaldo. O artilheiro peruano, portanto, deve ser reforço somente para a partida do próximo domingo, diante do Atlético-MG, em Belo Horizonte (MG), pela 27ª rodada.