segunda-feira, 25 de maio de 2015

VOCÊ CONSEGUE EIVTAR A DOR DE CABEÇA COM...COMIDAAAAAAA




Neurologista brasileiro listou comidas que, por causa de substâncias contidas nelas, podem prevenir cefaleias ou desencadeá-las e piorá-las
Aquela dor de cabeça frequente no dia a dia pode ser resultado da sua dieta. A depender do alimento, ele pode evitar cefaleias ou desencadeá-las e piorá-las. Isso varia de pessoa para pessoa – uma pode ter crises causadas por chocolates, e outra, não. Mas, com base nas substâncias que cada alimento carrega, dá para ter uma base do que comer e o que evitar.

“Essa interferência alimentar nas cefaleias só acontece de acordo com a correlação entre quantidade, temporal e digestão”, explicou Deusvenir de Souza Carvalho, neurologista que faz parte da Sociedade Brasileira de Cefaleia (SBC), em nota. Em outras palavras, depende de quanto você come, por quanto tempo e como seu corpo reage à comida. “Se uma pessoa come chocolate num dia e a dor aparece somente no outro, isso não quer dizer que o motivo foi o consumo. Mas se a mesma situação se repetir frequentemente, aí sim pode ter relação”.
Por isso, antes de partir para o remédio contra dor de cabeça, veja a lista a seguir do que pode ajuda e do que atrapalha em relação à cefaleia.

:: O que causa dor de cabeça

Queijos, chocolate, cerveja e vinho
A amina presente nesses alimentos altera a calibração e a dilatação dos vasos sanguíneos e contribui para a dor de cabeça

Café, chás pretos e refrigerantes
Possuem cafeína, que eleva a pressão arterial por meio da contração dos vasos sanguíneos, sobretudo em pessoas sensíveis a esta substância

Bebidas alcoólicas em geral
Elas têm histamina e tiramina, que podem desencadear ou piorar o quadro da dor de cabeça. Por isso, no dia seguinte, vem a famosa ressaca

Manteiga, carnes gordas, frituras, doces, requeijão, leite integral e derivados
Lípideos contidos nesses alimentos têm proteínas alergênicas que causam dor de cabeça
 
Salame, presunto, peixes, camarão e salsicha
Esses alimentos contêm nitratos e nitritos que, como a amina, alteram a calibração e a dilatação dos vasos sanguíneos e pioram a dor de cabeça